Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/1415
Título: SER JOVEM EM MEIO À VIOLÊNCIA: IDENTIDADE X SINGULARIDADE NO CONFRONTO COM A LEI
Autor(es): GUIMARAES, Aurea Maria
TOREZAN, Sonia Aparecida Bortolotto
Palavras-chave: VIOLÊNCIA;JOVENS INFRATORES;EDUCAÇÃO;RESISTÊNCIA;PROCESSO
Data do documento: 2005
Editor: UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS
Resumo: A PRESENTE DISSERTAÇÃO ESTUDA UM GRUPO DE JOVENS INFRATORES DURANTE O PERÍODO EM QUE SE ENCONTRAM NA CONDIÇÃO DE LIBERDADE ASSISTIDA. A CONSTATAÇÃO DA SUA NÃO ADAPTAÇÃO AO ENSINO FORMAL DESENCADEOU ESTE ESTUDO, SENDO UM DE SEUS OBJETIVOS OUVIR O QUE ELES E OS EDUCADORES TINHAM A DIZER SOBRE SUA RELAÇÃO CONFLITUOSA. A VIOLÊNCIA PRODUZIDA POR ESTES JOVENS, E A VIOLÊNCIA DA QUAL SÃO VÍTIMAS FORAM EMERGINDO NOS DEPOIMENTOS. OS RESULTADOS DA PESQUISA MOSTRAM A FALTA DE SENSIBILIDADE POR PARTE DOS EDUCADORES EM LIDAR COM AS PREFERÊNCIAS CULTURAIS E ARTÍSTICAS DESTES JOVENS, E DE UTILIZAR-SE DESTAS PARA TRABALHAR AS QUESTÕES QUE SE APRESENTAM NO COTIDIANO ESCOLAR. O TRABALHO TRAZ TAMBÉM UMA EXPERIÊNCIA DE INTERAÇÃO JUNTO AOS JOVENS INFRATORES EM OFICINAS. A APREENSÃO DAS REPRESENTAÇÕES SIMBÓLICAS PRESENTES EM SUAS PRODUÇÕES ARTÍSTICAS E EM SUAS FALAS, POSSIBILITOU CAPTAR RELAÇÕES QUE ELES ESTABELECEM CONSIGO, COM O OUTRO E COM O MUNDO, E PERMITIU CONHECER SEUS PROCESSOS DE SUBJETIVAÇÃO (GUATTARI, 2000).
Descrição: BIBLIOTECA CENTRAL
URI: http://www.bdae.org.br/dspace/handle/123456789/1415
Outros identificadores: Mestrado
EDUCAÇÃO
MISTO
Aparece nas coleções:Adolescentes em Processo de Exclusão Social

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese.pdf1.14 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador