Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/1057
Título: JUVENTUDE, POBREZA E TRABALHO: DESAFIOS PARA O MUNDO CONTEMPORANEO
Autor(es): SANTOS, João Bosco Feitosa Dos
LEMOS, Maria Meirelene Lopes
Palavras-chave: JUVENTUDE;TRABALHO;EMPREGO;PIOLÍTICAS PÚBLICAS
Data do documento: 2006
Editor: UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ
Resumo: O PRESENTE ESTUDO TRATA DAS RELAÇÕES ESTABELECIDAS ENTRE A CONDIÇÃO SOCIAL E JUVENIL DOS PESQUISADOS, A CATEGORIA TRABALHO COMO VIA DE ACESSO À AUTONOMIA E AS TRANSFORMAÇÕES E CRISES DO MUNDO DO TRABALHO NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA. APRESENTA-SE A INSERÇÃO COMO PESQUISADORA NO BAIRRO DO BOM JARDIM, PERIFERIA DE FORTALEZA, ONDE FORAM OBSERVADOS E OUVIDOS 104 JOVENS, NA FAIXA ETÁRIA DE 15 A 24 ANOS, ENGAJADOS NO PROJETO APRENDER, BRINCAR E CRESCER E NOS CURSOS DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL EM NÍVEL BÁSICO, LIGADO ÀS SECRETARIAS ESTADUAIS DA AÇÃO SOCIAL E TRABALHO E EMPREENDEDORISMO. NO PERCURSO INVESTIGATIVO FORAM APLICADOS 104 QUESTIONÁRIOS, REALIZADAS VINTE ENTREVISTAS SEMIESTRUTURADAS E DESENVOLVIDOS DOIS GRUPOS FOCAIS COM OS JOVENS QUE BUSCAVAM O PRIMEIRO EMPREGO. COMO RESULTADOS, SISTEMATIZOU-SE E CONSTRUIU-SE O PERFIL DOS JOVENS PESQUISADOS, IDENTIFICANDO-SE PERCEPÇÕES DESSE SEGMENTO SOBRE A JUVENTUDE, COM DESDOBRAMENTO SOBRE O QUE É SER JOVEM, A CONDIÇÃO DO JOVEM POBRE E A SAGA NA BUSCA DO PRIMEIRO EMPREGO. A JUVENTUDE É VISTA PELOS JOVENS COMO UMA DAS FASES MAIS ENCANTADAS E MAIS DIFÍCEIS DE SUAS VIDAS, PELA CONDIÇÃO DE LIMIARIDADE ENTRE NÃO - SER MAIS CRIANÇA E AINDA NÃO-SER TOTALMENTE ADULTO, PELA INCERTEZA ENTRE RESPONSABILIDADES E BRINCADEIRAS, DIREITOS E DEVERES, E TAMBÉM PELA CONDIÇÃO DE POBREZA EM QUE VIVEM NA COMUNIDADE. MOVIMENTAM-SE NESSAS MARGENS MÓVEIS PREOCUPADOS COM O FUTURO, ENFOCANDO A VIA CRUCIS DA BUSCA PELO TRABALHO E A REALIDADE REPRESENTADA PELA CRISE DO EMPREGO/DESEMPREGO. A FAMÍLIA É CONSIDERADA COMO ESPAÇO DE ACOLHIDA E SEGURANÇA, APESAR DO NÍVEL DE POBREZA VIVIDO. PERTENCER À JUVENTUDE POBRE, DA CLASSE DOS MENOS FAVORECIDOS, É TRANSITAR NO CAMINHO DE SITUAÇÕES DE VULNERABILIDADE SOCIAL E PESSOAL, O QUE PREJUDICA O DESENVOLVIMENTO INTEGRAL DOS JOVENS. OS JOVENS E SUAS FAMÍLIAS VALORIZAM A ESCOLA COMO ESPAÇO DE APRENDER E CRESCER, MAS ASSINALARAM A INSATISFAÇÃO COM A MÁ QUALIDADE DO ENSINO PÚBLICO. A INSERÇÃO NO MUNDO DO TRABALHO FORMAL FOI REGISTRADA COMO O MAIOR DESEJO E SONHO DA JUVENTUDE PESQUISADA (76%). OS JOVENS ACREDITAM QUE, POR MEIO DO EMPREGO, É POSSÍVEL GARANTIR A SOBREVIVÊNCIA E UM FUTURO MAIS SUSTENTÁVEL PARA SI E PARA A FAMÍLIA. ASSIM, O TRABALHO E A ESCOLARIZAÇÃO CONSTITUEM CATEGORIAS-CHAVES, QUE OS FARÁ ASCENDER A POSIÇÕES MAIS DIGNAS SOCIALMENTE. A CONCRETUDE DA CONDIÇÃO JUVENIL É PERPASSADA PELAS QUESTÕES SOCIAIS ? ENTRE AS QUAIS A CRISE DO TRABALHO, A NEGAÇÃO DE DIREITOS, A INEFICIÊNCIA DAS POLÍTICAS PÚBLICAS ? E PELO PROCESSO DE EXCLUSÃO SOCIAL. NECESSÁRIO SE FAZ, NA VISÃO DOS JOVENS, QUE OS GOVERNANTES ELABOREM AÇÕES DE EDUCAÇÃO E TRABALHO, A PARTIR DAS NECESSIDADES DOS SUJEITOS SOCIAIS, COM RESPOSTAS MAIS EFETIVAS E IMPACTANTES NA VIDA DOS JOVENS E DAS COMUNIDADES, TENDO ESSE ESPAÇO PARA DISCUTIR, DELIBERAR E PARTICIPAR DA ELABORAÇÃO E USUFRUTO DA RIQUEZA NACIONAL.
Descrição: MESTRADO ACADÊMICO EM POLITICAS PUBLICAS E SOCIEDADE
URI: http://www.bdae.org.br/dspace/handle/123456789/1057
Outros identificadores: Mestrado
SERVIÇO SOCIAL
EXCLUSIVO
Aparece nas coleções:Juventude e Trabalho

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador